Portal da Prefeitura de São Paulo Prefeitura de São Paulo
Meryl Streep e Jack Nicholson em cena de "Ironweed" (Foto: Divulgação)
CINEMA

Filmes de Hector Babenco inspirados em obras literárias são exibidos no CCSP

Filmes têm sessões únicas nos dias 15 e 16 de setembro, em comemoração à doação do acervo pessoal de livros do diretor

Em agosto, o Centro Cultural São Paulo (CCSP) recebeu como doação o acervo pessoal de livros do cineasta Hector Babenco. Um dos nomes mais importantes do cinema nacional, o diretor, indicado ao Oscar por “O Beijo da Mulher Aranha” (1985), faleceu em 2016. Em sua memória e homenagem, o CCSP realiza o especial “Os Livros de Babenco”, nos dias 15 e 16 de setembro. Além de uma mostra de cinema, que traz filmes do cineasta inspirados em obras literárias, o evento promove, no dia 15, o encontro especial “Lembrando Babenco”, que contará com a presença de sua filha, Janka Babenco, e do diretor da série de TV “Carandiru”, Roberto Gervitz.

Para a Mostra, foram escolhidos cinco filmes: “Pixote, A Lei do Mais Fraco” (1980), que levou para as telas o romance “Infância dos Mortos”, de José Louzeiro; “O Beijo da Mulher Aranha” (1986), que adapta o livro homônimo de Manuel Pig; e a produção internacional “Ironweed” (1987), com Jack Nicholson e Meryl Streep, baseada na obra de William Kennedy. Por fim, os mais recentes “Carandiru” (2003) e “O Passado” (2007) também são exibidos. O primeiro trouxe às telas o presídio retratado por Dráuzio Varella em “Estação Carandiru”, enquanto o outro adapta o romance argentino de Alan Pauls.

O CSSP recebeu, no total, 454 livros de Babenco, seleção composta por obras nacionais e estrangeiras, de autores que vão do beatnik Jack Kerouac (autor de “Na Estrada”) ao angolano Valter Hugo Mãe (de “A Máquina de Fazer Espanhóis”). Todos esses exemplares já estão disponíveis para a leitura do público em geral.

Por Gabriel Fabri

Serviço: Centro Cultural São Paulo. R. Vergueiro, 1.000, Paraíso. Próximo da estação Vergueiro do metrô. Centro. | tel. 3397-0001 e 3397-0002. Dias 15 e 16. R$2 (exceto debate).

Programação completa:

Dia 15 – Sexta-feira

15h00 – Pixote, a lei do mais fraco
17h15 – O beijo da mulher-aranha
19h30 – Ponto de Encontro: Lembrando Babenco, na Praça das Bibliotecas

Dia 16 – Sábado

14h30 – Carandiru
17h10 – O Passado
19h30 – Ironweed