Portal da Prefeitura de São Paulo Prefeitura de São Paulo
Christiane Tricerri faz os papeis de Catarina, Cleópatra e Titânia (Foto: Isadora Tricerri)
TEATRO E CIRCO

Em “Vestida de Shakespeare”, atriz interpreta três personagens do dramaturgo inglês

Espetáculo é apresentado em cinco Casas de Culturas entre os dias 2 e 16 de dezembro

Após uma ampla trajetória atuando em obras do dramaturgo William Shakespeare, a atriz Christiane Tricerri escolheu três das personagens mais icônicas do autor para criar um espetáculo próprio: Catarina, de “A Megera Domada”; Titânia, de “Sonhos de Uma Noite de Verão”; e Cleópatra, de “Antônio e Cleópatra”. Todas essas mulheres são interpretadas por Tricerri em “Vestida de Shakespeare”, peça na qual a atriz vai se transformando de uma personagem a outra, sem deixar de lado a sua própria personalidade.

As apresentações são gratuitas e a temporada tem início no dia 2, na Casa de Cultura de Santo Amaro. Depois, o espetáculo é encenado nas casas do Itaim Paulista (dia 3), Salvador Ligabue (dia 6), do Tremembé (dia 10) e Chico Science (dia 16).

A atriz, que chegou a protagonizar “Sonhos de Uma Noite de Verão” no Festival de Shakespeare em Nova Iorque, conta que, na época do dramaturgo inglês, as protagonistas femininas eram interpretadas por homens. O próprio texto de Shakespeare de “Antônio e Cleópatra” continha uma brincadeira quanto a esse costume – texto que ela reaproveitou no espetáculo, cuja dramaturgia mescla trechos das obras correspondentes a cada uma das personagens. “É muito interessante interpretar personagens femininas e ao mesmo tempo ter essa metalinguagem no texto”, comenta a atriz. “Todas as protagonistas do Shakespeare são de grande humanidade, por isso resistem há séculos”, complementa.

Quanto à escolha das três personagens, Christiane conta que escolheu duas que já tinha interpretado e acrescentou Cleópatra. “Esse foi o papel mais desafiador, pois a estou descobrindo”, explica. “Além disso, é a única personagem que realmente existiu”. Ela conta ter a ambição de fazer uma montagem de “Antônio e Cleópatra” no futuro, mas interpretando a Rainha do Egito sem glamour, ao contrário do filme de Joseph L. Mankiewicz com Elizabeth Taylor.

Interagindo com o público, chamando pessoas para interpretar com ela no palco ou mesmo explicando e respondendo curiosidades sobre Shakespeare, Christiane promete um espetáculo irreverente. A escolha do próprio título, inclusive, tem uma explicação bem-humorada. “Como sou uma atriz que muitas vezes fica nua no palco, digo que finalmente fiz um espetáculo vestida”, brinca Christiane, que protagonizou recentemente, sem roupas, o monólogo “A Merda”.

Por Gabriel Fabri

Vestida de Shakespeare

12 anos Gratuito

Local

Dia 3 de dezembro de 2017 às 19:00
Dia 10 de dezembro de 2017 às 17:00
Dia 16 de dezembro de 2017 às 17:00

Publicado por

Divisão de Programação
Mais informações